27 setembro 2007

briefing

Há que tempos que não escrevo nada de jeito aqui - ou em qualquer outro lugar. Nem algo que possa ser entendido.
É normal: há que tempos que não faço nada de jeito.
Quando não se faz nada decente - ou nada, em absoluto - o cérebro, já de si o elemento menos exercitado da minha pouco apresentável anatomia, torna-se lento. As férias prolongadas são, sem dúvida, a razão principal por detrás desta dormência intelectual: as outras questões estão seguramente relacionadas com a apatia também do lado emocional, onde quase não se detectam acontecimentos dignos de registo - são esses que, tantas vezes, servem de mote para uma escrita mais sentida.
Quase, certo. Porque ainda se encontram motivos para sorrir (mais que o habitual, até), embora esses motivos sejam remotos. Geográfica e estatisticamente falando. Seja em que língua for.

2 comentários:

Alex disse...

write, write a letter...

ThunderDrum disse...

Quanto à dormência do cérebro, nada que uns Sudoku não resolvam...

Quanto ao sorrir, bem mais perto (geográfica e estatisticamente falando) poderás também fazê-lo (de outro modo, é certo)...numa língua um pouco menos "engasgada"...lol

Abraços!