26 junho 2007

outros frangos

Esta manhã, vinha eu pelo meu trajecto habitual (uma estrada sinuosa e estreita, que, ao contrário do mais famoso e lento IC do país, onde o tempo de viagem pode ir de uns surpreendentes 15 minutos a umas exasperantes duas horas, tem a virtude de permitir rolar sempre à mesma velocidade), quando, numa subida, fiquei refém da baixa velocidade de um furgão de uma lavandaria.
O dito furgão, um FIAT daqueles derivado de turismo e caixa de carga alta, que provavelmente obteve a aprovação na inspecção a expensas de uma amizade conveniente, emanava gases tóxicos em quantidade que não sei se acima do limite legal, mas seguramente para além do limite do respirável - ao ponto de me fazer deixar de ter vontade de acender o meu próximo Gigante pelo menos durante uns 3 minutos.
Ao conseguir, finalmente, ultrapassar tal fonte de indisposição matinal, buzinei brevemente, tentando chamar a atenção do condutor: sem sucesso, no entanto, a única reacção que consegui dele foi ver-lhe o dedo do meio da mão esquerda bem erguido no ar, dedo que lhe tapava parcialmente o largo bigode atrás do qual escondia a cara - à distância que estava, não pude confirmar que a unha de tal dedo ostentava a típica tarja negra correspondente ao bigode de benfiquista devorador de frangos. Tudo isto ainda antes de eu conseguir dizer uma palavra, sequer.

Não me zanguei, a caravana que eu conduzia prosseguiu calmamente, em velocidade moderada (mesmo não sendo dia 22, prefiro não arriscar mais). Fiquei com os meus botões a pensar que é certamente táctica da lavandaria emitir fuligem: talvez julguem que, desta forma, venhamos a necessitar mais dos serviços deles.

5 comentários:

ThunderDrum disse...

É uma táctica agressiva de atrair clientela!!!

wednesday disse...

Jogo sujo, literalmente.

Tuxa disse...

CdC,

Ponto 1 - se fumas Gigante no carro, a lavandaria nao precisa de usar os escapes para ganhar bom negocio...

Ponto 2 - esse comentario do bigode de benfiquista devorador de frangos e discriminatorio e politicamente incorrecto por estes dias, olha que o Berardo agora e amigo...

Ponto 3 - ultrapassar em estradas sinuosas e perigoso e nao me parece bem. E levar com o fumo tem os seus beneficios, nomeadamente o de reduzir a vontade de fumar.

Ponto 4 - acho mal meter os frangos ao barulho, ja nao lhes basta serem engordados com hormonas, agora ainda tem de levar com estas comparacoes...

Cai de Costas disse...

Tuxa,

Ponto 1 - Gigante dentro do carro apenas de janela aberta e a baixa velocidade, proporcionando um arejamento adequado;

Ponto 2 - não confundir sentido de observação apurado com discriminação; "politicamente incorrecto" é muitas vezes my middle name;

Ponto 3 - ultrapassagem efectuada em via rápida, finda a estrada sinuosa; redução da vontade de fumar apenas por opção própria, não gosto de ser forçado a tal;

Ponto 4 - "frangos" é uma private joke que um dia hei-de explicitar, tornando-a clara para todos. E sim, tem efectivamente alguma relação com hormonas... mal geridas...

MiSs Detective disse...

agora imagine-se no IC mais concorrido do país! nem tudo é mau...