23 outubro 2007

lucky 22

O fumo não era branco, começaram por me dizer, "não é oportuno, é demasiado investimento para esta fase e temos que manter o enfoque na área de negócio em que estamos neste momento a trabalhar".
O calendário indicava 22 na data, nada que eu estranhasse, nada que eu não esperasse.
Aliás, o dia tinha já começado por começar mal: não por que o anterior nunca tinha acabado e porque a ausência de sono constitui sempre razão de incómodo, mas antes porque um telefonema madrugador tinha servido para receber uma notícia desagradável.
Mas sim, era 22, e como a tradição ainda é quase sempre aquilo que era, encarei o interlocutor e encaixei as palavras dele com a naturalidade habitual.
Mas ele não se calava.
- No entanto...
(e eu, que até gosto de frases começadas por "no entanto", apurei a minha atenção)
... porque já te conhecíamos e tivemos oportunidade de perceber melhor as tuas capacidades durante estes dias que passaste connosco...
(isto era um exagero e começava agora a soar a palmadinha nas costas...)
... não queremos perder esta ocasião para te termos na nossa equipa.
(como?)
Claro, não temos capacidade para te oferecer para já uma posição semelhante àquela a que estás habituado...
- A posição a que eu estou neste momento habituado é a de desempregado, não me parece que eu possa ser esquisito.
- Sim, está bem, mas o que eu queria dizer-te é que a proposta que temos fica abaixo daquilo que será o teu nível habitual de remuneração futuro, mesmo aqui connosco, e que logo que exista essa possibilidade, essa questão será revista.
- Começo quando?


É verdade: o telefonema madrugador acabou por se revelar um equívoco, posteriormente esclarecido.
Afinal, este 22 rompeu com a tradição e não houve nenhuma ocorrência que o tivesse prejudicado. Nem mesmo estando acordado durante todas as vinte e quatro horas desse dia.

10 comentários:

ThunderDrum disse...

Então, mesmo não sendo a situação idealizada, estás de parabéns...

Depois quero saber pormenores e boa sorte!

Tuxa disse...

Entao isso significa o fim do exercicio em cima de duas rodas... Ja nao precisas da listinha! Ainda bem, bom sinal.

Thunderlady disse...

Se calhar descobriste o segredo! 21+1. Se fizres passagem directa se calhar anula o efeito!

;)
O dia acabou por se revelar positivo, isso é que importa.

Bjoka

Cai de Costas disse...

Obrigado.
Tuxa, claro que continuo a precisar da lista, ainda não estou totalmente satisfeito - e descobri atributos nesse país que quero explorar melhor.

ThunderDrum disse...

"21+1"

HAHAHAHA!!!

Não me tinha lembrado dessa, se calhar é essa a fórmula contra os 22...a comprovar?

pensamentosametro disse...

O que interessa é recomeçar estar activo, participar do mundo do trabalho e das evoluções, não sei qual a tua área, tendo no entanto uma memória que teria algo a ver com sector automóvel, não interessa estás de volta e ocupares o lugar que certamente mereces é uma questão de trabalho e algum tempo, claro. Que tudo te corra pelo melhor.

Tita

Cai de Costas disse...

Eu já tinha tentado enganar essa conta...

Cai de Costas disse...

Tita, o lugar que mereço?
Eu acredito que, na vida, ninguém tem lugar cativo, nem lugar merecido.
O lugar que eu prefiro é aquele em que me divirto, aquele em que faço o que gosto e da maneira que gosto de o fazer. Com seriedade, claro.
E tenho tido a sorte de ter feito SEMPRE coisas que me divertem, desde distribuir correio até administrar (menos bem) empresas.
O que espero do próximo?
Que me deixem divertir-me tanto como me diverti até agora.
Beijos e obrigado.

pensamentosametro disse...

Éramos capazes de fazer uma grande equipa de trabalho...

Tita

wednesday disse...

Humm, isso soa-me tudo lindamente. Há sempre um dia em que as coisas tomam um novo e bom rumo e este dia 22 foi o teu!

Parece então que estás de parabéns, apesar de não seres perfeito:P