31 março 2009

pérolas

Há coisa de minutos, na recepção de uma oficina, um cliente solicitava um serviço à viatura dele. Coisa normal, revisão, mudar óleo e filtros, verificar luzes e Ah, é verdade, queria que vissem também o travão de mão, faz um barulho estranho, um amigo meu diz que o carro deve precisar de axilas, disfarcei um sorriso, são daquelas coisas que saem, ainda que não saiba o que é uma maxila o Sr. deve saber o que é uma axila, não faria uma confusão daquelas, confidenciava eu aos botões da minha camisa. Passaram talvez dois minutos, o confuso cliente dirigia-se para a porta e iria permitir-me comentar tal deslize com o pessoal da recepção, por favor despache-se saia depressa que o sorriso contido e surdo está a tornar-se em incontida gargalhada sonora, quanto mais penso nisto menos aguento, quando ele se vira, segurando a porta na mão, Muito obrigado e por favor liguem quando o carro estiver pronto, saiu e, lá de fora, temendo que não o tivessem ouvido à primeira, E não se esqueçam das axilas, que é o mais importante.
Explodi!

4 comentários:

Stiletto (prev My Space) disse...

Oras.. o sr devia estar a referir-se ao desodorizante. Pois tu não reparaste se o automóvel cheirava mal?

Thunderlady disse...

Então e não pode ter sido o teu ouvido a obliterar o max?

:)

eu... disse...

Tão mauzinho...

Cai de Costas disse...

S&B, o que ouvi foi corroborado pelos demais presentes e confirmado pelo próprio aquando da insistência, pelo que não resta possibilidade de engano.