17 julho 2007

felinos

Com o tipo de sorte com que tenho andado no que diz respeito a veículos, não estranhei que o carro deixasse de funcionar em pleno IC. Por sorte (e por hábito), ia em excesso de velocidade, pelo que o balanço que levava permitiu encostar à berma em segurança.
Dois telefonemas e 45 minutos mais tarde, lá veio um simpático reboque que me levou e ao carro para a oficina.
Como a viatura foi adquirida recentemente e o contrato de garantia prevê a existência de viatura de substituição, telefonaram prontamente a sugerir entregar-me o carro, muito atenciosos, “diga-me onde está, vamos aí entregar, ou mandamos um táxi para o trazer até nós”. “Serviço de primeira”, pensei, mal sabia que a cereja estava para vir: “lamentavelmente, temos apenas um Jaguar para lhe ceder”, “devem pensar que sou filho de algum ministro”, sorri do meu lado, mantendo uma voz séria do outro “não tem importância alguma, serve perfeitamente”.
Recusando o táxi, pedi boleia a um amigo (se lhe perguntarem, dirá que o obriguei a levar-me até lá) e lá fui levantar o gato bravo.

Bem… aquela coisa já percorreu 130 milhares de quilómetros, em mãos (principalmente pés, quero crer) variadas: até aqui, tudo bem, os carros foram feitos para ser usados e o animal até que anda umas coisas, acelera que nem um perdido – mesmo perdendo tracção em todo o piso mais rugoso que o chão da minha sala, trava e tudo, porquê reclamar?
Não reclamo, limito-me a ficar absolutamente desiludido com a minha primeira experiência dentro de um Jaguar com menos de 30 anos: bonito por fora, sim senhor, mas um painel de instrumentos que já não se usava quando foi desenhado, que me faz lembrar um daqueles confiáveis mas imensamente foleiros carros japoneses dos anos 80 (LCDs de fundo verde?), uns vivos em raiz de nogueira feita de polímero de baixa qualidade, um rádio que nem apeadeiros sintoniza decentemente…
Foi então que percebi a oferta do táxi: era para eu o conduzir.

4 comentários:

Thunderlady disse...

Lá está: felinos.

ThunderDrum disse...

Apeadeiros!!?!?!???!!!????!!?!!!!


HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA!!!!!!!!!!

Me Hate disse...

Pois é!!!!!!!

O Carmo e a Trindade disse...

E se calhar devias mesmo de o ter conduzido não? ;)